6ª Parte Chakras –

Chakras e sua importância - mãosEntendendo melhor sobre cada um deles

Assim como há a anatomia do corpo físico, podemos perceber também uma anatomia espiritual (ou sutil) no Ser Humano. Nela estão inúmeros chakras e centros energéticos. Dando continuidade ao artigo Chakras – entendendo sua importância, começamos uma série de artigos onde ressaltaremos os 12 principais Chakras de nosso corpo, mostrando as características de cada um deles.

12 prinicpais ChakrasAbaixo trazemos os dois últimos destes vórtices que funcionam como usinas geradoras de energia do corpo:

Símbolo chakra sexual

Símbolo chakra sexual

11- Chakra Sexual

Localizado na frente da região púbica e dos órgãos reprodutivos. É responsável pela vitalidade sexual, pela procriação e, indiretamente, pela criatividade.

Há uma relação direta entre a energia sexual, a criatividade e o sucesso. As pessoas criativas, em geral, são sexuais por natureza e com tendência a serem inteligentes, inovadoras e artísticas. Um senso de humor bem desenvolvido também é uma expressão de criatividade e está relacionado à energia sexual.

O magnetismo pessoal pode ser melhorado pela força do centro sexual, juntamente com a energia magnética do coração. Em muitas instâncias, o sucesso e a realização estão relacionados ao carisma pessoal e a uma presença magnética que desenvolve a liderança motivacional e o poder de influenciar.

Há uma técnica para usar a energia do centro sexual para energizar o cérebro e a mente, a fim de prevenir a derrocada senil que chega com a idade. Não seria ótimo envelhecer mantendo-se jovem, ter apelo sexual e ser mentalmente brilhante até o último suspiro?

Símbolo chakra básico

Símbolo chakra básico

12- Chakra Básico

Fica na região do cóccix, no final da coluna. Ele governa a vontade primária de sobreviver e a capacidade de materializar objetivos.

Esse centro energético também está associado à força e à saúde dos quadris, pernas, joelhos, pés, músculos e ossos. É necessário para uma perspectiva de vida prática e assentada, que equilibra realização espiritual e sucesso material.

O Chakra Básico controla e regula o reparo e a regeneração dos tecidos do corpo, os sistemas muscular e a coluna vertebral.

É muito importante pela saúde física e pelos instintos de sobrevivência material.

Também está diretamente relacionado aos Chakras Ajna, Meng Mein (Posterior do Umbigo), Umbigo, Sexual e o Períneo, qualquer fraqueza no Chakra Básico todos eles serão afetados diretamente.

 

Veja também:

 

Namastê.

😉

Anúncios

5ª Parte Chakras – Umbigo e “Meng Mein”

Fortalecendo os chakrasEntendendo melhor sobre cada um deles

Assim como há a anatomia do corpo físico, podemos perceber também uma anatomia espiritual (ou sutil) no Ser Humano. Nela estão inúmeros chakras e centros energéticos. Dando continuidade ao artigo Chakras – entendendo sua importância, começamos uma série de artigos onde ressaltaremos os 12 principais Chakras de nosso corpo, mostrando as características de cada um deles.

12 prinicpais Chakras

Abaixo trazemos mais dois destes vórtices que funcionam como usinas geradoras de energia do corpo:

9 – Umbigo 

Chakra muito utilizado por mestres de meditação, das artes Marciais e também pelos praticantes de Yoga, conhecedores de técnicas meditativas avançadas.

Quando adequadamente ativado, ele pode melhorar:

  • A força interna para resistência e o rejuvenescimento do corpo físico;
  • A absorção, assimilação e circulação da vitalidade interna como reserva de força;
  • A velocidade, os instintos e a agilidade nas reações físicas e movimentos;
  • Bons instintos e inteligência na tomada de decisões;
  • Potência sexual;
  • Melhora do desempenho para atividades físicas;
  • Melhora na tomada de decisões também nos negócios.

 

10 – Chakra Meng Mein

Também conhecido como Posterior do Umbigo, pois está nas costas, seguindo na direção do umbigo. Controla a glândula supra renal e os rins. Geralmente não é mencionado em textos de Yoga, mas os chineses o utilizam principalmente nas artes marciais.

Esse chakra tem uma função muito importante na ativação da energia interna, pois ajuda a energia circular na direção ascendente. Funciona como um bombeamento de energia do chakra básico para os chakras superiores. Também está diretamente relacionado ao Chakra Sexual.

Se esse centro for excessivamente ativado, a pressão arterial pode aumentar (esse é o perigo de usá-lo). Não se deve tentar energizar esse centro, a menos que seja um especialista na ciência da cura avançada (Terapia Prânica) e que saiba como inibir o Chakra Posterior do Umbigo ou Meng Mein se este for excessivamente despertado.

Veja também:

Namastê.

😉

3ª parte Chakras – Laríngeo e Cardíaco

Chakras LaringeoEntendendo melhor sobre cada um deles

Assim como há a anatomia do corpo físico, podemos perceber também uma anatomia espiritual (ou sutil) no Ser Humano. Nela estão inúmeros chakras e centros energéticos. Dando continuidade ao artigo Chakras – entendendo sua importância, começamos uma série de artigos onde ressaltaremos os 12 principais Chakras de nosso corpo, mostrando as características de cada um deles.

12 prinicpais ChakrasAbaixo trazemos mais dois destes vórtices que funcionam como usinas geradoras de energia do corpo:

5 – Chakra Laríngeo

O Chakra Laríngeo controla e comanda a Glândula Tireoide, que fica no meio da garganta. Estritamente associado à objetividade e à praticidade. É o centro da expressão da mente concreta, relacionado à inteligência concreta e ao discernimento.

Um centro de força Laríngeo bem desenvolvido é requisito para a transformação de ideias em planos, praticar atividades organizadas e resultados. Se esse centro for desenvolvido em excesso, sem considerar o coração, a pessoa se torna excessivamente crítica e muito meticulosa.

Chakras Cardíaco6 – Chakra Cardíaco

São dois pontos, o Anterior, mais ou menos no meio do osso Esterno (um osso chato, plano e ímpar que apresenta 3 partes: manúbrio, corpo e processo xifoide) e seguindo na mesma direção o Posterior.

O chakra Cardíaco Anterior controla e comanda a Glândula Timo, o sistema imunológico e o coração em termos físicos. Já o Chakra Cardíaco Posterior controla o pulmão.

Em geral, estes dois pontos são os centros de forças mais familiar às pessoas. Está relacionado à inteligência emocional, ao carisma e à natureza do amor. As faculdades do amor, compaixão, altruísmo e benevolência utilizam o centro cardíaco, especialmente guiado pela natureza do amor incondicional estimulada pelo Chakra Coronário.

Esse centro do amor se expande, ou se contrai, de acordo com a atividade e a emoção projetadas ou recebidas pelo indivíduo. Quando nos apaixonamos ou fazemos coisas boas para os outros, sentimos uma sensação aconchegante e agradável na região do peito, do mesmo modo quando uma pessoa fere a outra, o peito fica pesado, contraído e fechado.

Ao ativar esse centro, pode-se sentir amor, paz, felicidade e inclusive adquirir naturalmente a capacidade de perdoar os outros.

Veja também:

Namastê.

😉

Chakras – reconhecendo sua importância

M3361S-3034Os chakras, também chamados de centros ou vórtices de energia, são partes importantes do corpo de energia. Assim como o corpo físico tem órgãos vitais e órgãos de importância menor, o corpo de energia tem chakras grandes (maiores ou principais), pequenos (menores ou secundários) e minúsculos (mini).

São nossos principais vórtices de energia. Possuem cerca de 7,5 cm de diâmetro; chegando até 10 cm. Controlam e energizam os principais e vitais órgãos do corpo físico. Funcionam como usinas geradoras que fornecem energia vital a esses órgãos.

Quando essa usina geradora funciona mal, esses órgãos adoecem, porque não tem suficiente energia para operar adequadamente.

Os chakras menores tem cerca de 2,5 cm e podem chegar a 5 cm (de diâmetro). Já os mini chakras, algo menor que 2,5 cm. Controlam e energizam partes menos importantes do corpo físico visível. Os chakras interpenetram e se estendem para além do corpo físico.

12 prinicpais Chakras

Os chakras exercem várias funções importantes:

  1. Eles absorvem, dirigem e distribuem o prana (energia sutil contida no ar) às diferentes regiões do organismo.
  2. Eles controlam, energizam e são responsáveis pelo funcionamento adequado de todo o corpo físico e de suas diferentes partes e órgãos. As glândulas endócrinas são controladas e energizadas por alguns dos chakras principais. Essas glândulas podem ser estimuladas ou inibidas pelo controle ou manipulação desses chakras. Muitas enfermidades são em parte causadas pela instabilidade de funcionamento dos chakras.
  3. Alguns chakras são pontos ou centros de faculdades psíquicas. A ativação de certos chakras pode resultar no desenvolvimento de certas faculdades psíquicas. Por exemplo, os chakras de ativação mais fácil e segura são os chakras das mãos. Eles estão localizados no centro da palma das mãos e sua ativação permite o desenvolvimento da capacidade de sentir energias sutis e também de sentir a aura interna, a externa e da saúde.

Namastê. 😉